segunda-feira, 24 de fevereiro de 2014


O segredo da longevidade de Monteiro Lobato
Uma história de subtração 

Início do ano letivo, avaliação diagnóstica de matemática, vinda da Superintendência de Ensino, e a professora corrigindo aprende dos alunos que Monteiro Lobato teria vivido cerca de 3mil anos.
Uau!!! A pobre mortal, com três décadas completas de vida, já tem  dores nas costas e vendo se aproximar a idade de Cristo, resolve investigar a façanha. Três milênios de vida não é nada mal.
Interrompe de súbito a aula e questiona à classe:
_Vocês conhecem este sinal? (-)
E um coro “arrastado” responde:
_É de meeeeenos.
_E para que serve?
_Subtraiiiiiiiiiir.
_Vocês sabem nomear os termos da subtração?
E um coro ainda mais “arrastado”:
_Minueeeeeeeendo, subtraeeeeeeeeeeendo, reeeeeeeeeesto ou difereeeeeeeença.
Não é possível, eles conhecem cada termo, identificam o sinal, sabem para que serve. Ou não? _pensa_ Pergunta outra vez e os alunos recitam:
_Minueeeeeeeendo, subtraeeeeeeeeeeendo, reeeeeeeeeesto ou difereeeeeeeença.
_Está bem! Alguém sabe me dizer por que chamamos o resultado da subtração de resto ou diferença?
Todos eufóricos sabem a resposta:
_É porque serve pra calcular quantas maçãs sobraram quando você tem cinco e dá 3 pra um amigo.
_Parabéns! Assim descobrimos o resto. E a diferença?
Ninguém responde nada. A classe nunca fez um silêncio tão profundo. Só uma mãozinha tímida levantada no fundo da sala. E a professora esperançosa:
_Diz, meu amor.
_Que vácuo em professora! _ e ri.
Outro aluno:
_Eu acho que eu sei. É porque é diferente da adição
A turma ri, a regente chora e propõe outro desafio:
_Joãozinho tem 16 anos e Joaninha tem 12. Qual é a diferença de idade entre os dois?
Vários voluntários querem dar a resposta:
_A diferença é que ele tem mais e ela tem menos
Outro desafio;
_Na loja A uma TV custa R$5000,00 e na loja B a mesma TV custa R$4500,00. Qual é a diferença de preço entre as duas.
E alguém orgulhoso responde apressado:
_É que na loja A é mais caro e na loja B é mais barato.

No dia seguinte uma folha xerografada, umas vinte operações, todas de subtração, indo das mais simples para as mais complexas. E os alunos acertam quase tudo. Eles sabem subtrair mas, somaram o ano de nascimento ao ano da morte do autor do Sítio para descobrirem quantos anos ele viveu. Faltou  conhecer as possibilidades de uso daquilo que sabiam.

Um comentário:

  1. Olá,

    Vim comunicar que o meu blog Sala de Aula foi Hackeado e por esse motivo foi excluído, estou deixando o endereço da nova edição do blog:

    http://reridamaria.com.br/

    Atenciosamente Profª Rérida

    ResponderExcluir